Como tu retratas Porto Alegre?

Porto Alegre sediou cinco jogos da Copa América e, entre eles, um da Seleção Brasileira. Durante alguns dias, nossa Cidade recebeu milhares de visitantes e, destes, dois jornalistas argentinos, da rádio Cadena 3, foram os que mais ganharam visibilidade, após publicarem um vídeo afirmando que a nossa Capital é uma cidade descuidada.

Porque foi esta a impressão que nós passamos para eles. Não concordas?

Porto Alegre tem deixado a desejar em muitas áreas com os problemas com o trânsito, os buracos nas vias, o aumento no número de moradores de rua, as pichações, a depredação das calçadas, insegurança, entre outros.

Mas ao mesmo tempo temos mais de 600 praças, grandes e belos parques (entre os mais conhecidos, Redenção, Parcão, Germânia), toda a extensão da Orla do Guaíba, vários museus, zonas boêmias, etc.

Ou seja, há muita coisa boa na Cidade. O problema pode estar no nosso enfoque. Como tu retratas Porto Alegre?

Afinal, como vamos querer que as pessoas visitem a Capital se nem nós conseguimos ver as potencialidades que ela oferece?

Eu insisto na questão do turismo pela capacidade de geração de renda e emprego que a atividade propicia. É um caminho para o desenvolvimento, pois movimenta a economia e gera receita para o Município voltar a investir na cidade.

Por isso, precisamos “aprender a vender” mais Porto Alegre, divulgando nossos eventos e pontos turísticos e integrando todos os setores para termos uma estrutura preparada para atender bem o turista.

Somos a 3ª Capital em Turismo de Negócios no País, mas não conseguimos fazer com que os turistas permaneçam na Cidade.

O que nos falta?

Fazer as melhorias que o Município necessita, mudar nosso enfoque para as potencialidades e reconhecer que há, sim, muita coisa boa em Porto Alegre.

E muita coisa para fazer na nossa cidade!

6 comentários em “Como tu retratas Porto Alegre?

  1. Concordo plenamente com suas palavras amigo,irmão Vereador João Carlos Nedel, TURISMO É TUDO !!!!!!Gera Emprego e Renda,atrai turistas,diga-se de passagem que Porto Alegre era sinônimo de “Cidade Sorriso “, “Cidade Hospitaleira”,não temos METRÔ, realmente Porto Alegre parou no tempo,aí que me refiro sempre !!! ABRAÇO GRANDE AOS AMIGOS E AMIGAS PESSOAIS E VIRTUAIS!!! Att JCFETTERMANN

    Curtir

  2. Caro Vereador João Carlos Nedel, pela oportunidade, considerando que também entendo a importância do investimento em turismo, e tendo retornado de viagem aos Estados Unidos e Chile, desejo registrar que em ambos Países o cuidado com os turistas é destaque, bem como, o retorno econômico que aqueles Países obtém.
    E registro que ao visitar a Orla do Guaíba com minha família, esposa e filhas, sempre sou constrangido por grupos de pessoas, jovens ou não, portanto garrafas de bebidas, coolers, bebendo de força excessiva e fazendo arruaça, bem como, portando caixas de som em volume exibicionista, o que determina meu afastamento daquele lugar.
    Faço esse registro porque tanto nos EUA como no Chile é proibido beber bebidas alcoólicas em lugares públicos (https://bloglavida.com/2016/01/16/lei-seca-chile-nao-permite-beber-em-locais-publicos/), condição que melhora em muito o convívio dos munícipes e turistas. Aliás, também nas imediações da cidade baixa, outro local propício para o turismo, a possibilidade de beber na rua permite que inúmeras pessoas passem a noite bebendo e constrangendo outros munícipes, moradores ou não, comerciantes, inclusive após a meia-noite são inúmeras pessoas embriagadas e drogadas ambulando, constrangendo e agredindo, tanto entre si, como os demais que por ali transitam. Reconheço que já temos leis em demasia, mas não consigo imaginar outra solução que não seja essa adotada pelos EUA e Chile, proibição que inclusive iria contribuir para que bares e restaurantes tivessem um maior número de clientes.
    Feito o registro, espero que com a ajuda de Deus possa examinar a proposição e convencer seus pares a implementá-la em benefício desta Capital.
    João Elpídio.

    Curtir

  3. Sr. Nedel,
    Não fiz muitas viagens na minha vida, mas conheço algumas cidade e muitas pessoas de outros lugares do país. E, já ouvi muitas opiniões de Porto Alegre como: cidade muito suja, moradores de rua, pichações. Eu mesmo como natural da cidade acho um horror e não, somente, as pessoas de fora da cidade notam essas situações. Para Porto Alegre se tornar uma cidade turística, siga-se o exemplo de Curitiba. Uma cidade limpa vem de investimento e povo educado, o nosso está longe disso.

    Curtir

  4. Eu vejo Porto Alegre, Suja, Cheia de pichações, lixo espalhado nas ruas, ruas esburacadas, predios abandonados, ruas cheias de pedintes e dormindo ao alento, falta de segurança.
    O bairro Humaitá com um enorme deposito de entulhos, poluindo todo o bairro,e desvalorizando os imóveis do bairro. Temos uma bela reserva ecológica esquecida e sendo contaminada pelos deposito de entulhos.
    O Parque Mascarenha de Moraes maravilhoso, no entanto por falta de segurança os moradores são privando muitas vezes de frequentar.
    Porto Alegre é linda mas falta ser cuidada como merece.
    Agradeço se os responsáveis tomar providencias para melhorar a cidade e principalmente nosso bairro que por causa da Arena do Gremio que está localizada no bairro proximo, Humaitá está sendo visitado por muitos turistas e grandes personalidades.
    Humaitá é o espelho de Porto Alegre, porém abandonado.

    Curtir

  5. Ótima reflexão, meu nobre edil!
    De fato, desfrutamos de uma grande cidade, que nos nos oferece grandes oportunidades, quando o foco é o turismo.
    Há muitos anos referencio que há, ou havia, um olhar cego sobre algumas de suas potencialidades.
    Para minha alegria, uma delas, a orla do Guaíba está sendo devidamente tratada com objetivos grandiosos, entre os quais o de alcançar o pontal do antigo Estaleiro Só.
    Com bons projetos e com bons investimentos financeiro e midiático, lá haveremos de chegar.
    Outras poderiam ser estudadas!
    Uma delas, quando professor da FAUFRGS, ofereci aos meus estudantes. Aparentemente, utópica, poderia se transformar no nosso maior marco turístico: a transformação da ‘ilha da cadeia’ num polo de gastronomia gaudéria, dando-lhe acessibilidade por meio de uma ponte, repleta de refúgios panorâmicos protegidos.
    Uau!
    Outra alternativa bombástica seria a implantação de outro polo gastronômico e turístico: o do ‘Morro da Polícia’, dotado de um teleférico, com partidas sequenciais a partir de um terminal implantado junto à Av. Bento Gonçalves, lembrando o investimento do Cerro Otto, em Bariloche.
    Certamente, com tais investimentos, alcançaríamos o top five do turismo brasileiro!
    Ideias! Ideias!
    Forte abraço, meu vereador preferido.
    Júlio Cruz

    Curtir

  6. Porto Alegre ( minha cidade) é uma cidade decadente. Com uma quantidade de buracos nunca antes vista, suja, os relógios de ruas não funcionam a tempos, grande aumento de moradores de ruas e ambulantes e um prefeito que dificilmente se ouve falar.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s